quinta-feira, 26 de julho de 2012


“Conversar com você é como sair da Terra e explorar universo a fora. A cada nova palavra que você diz, é como se eu conhecesse um novo planeta, e a cada frase, conheço uma nova galáxia. Você é extraordinariamente sublime e eu esqueço completamente do tempo e do mundo quando eu estou com você. Quando vai embora, eu volto para o planeta e tudo fica sem graça. Como sempre é. Por isso sinto sua falta. Sinto falta das estrelas que vejo quando estou com você, das nebulosas, das galáxias… Sinto falta do seu brilho.”

S.N. Cândido

Nenhum comentário:

Postar um comentário

// >