segunda-feira, 27 de agosto de 2012


“Amor não é miojo instantâneo pra colocar no fogo dentro de uma panela fervendo e esperar 5 minutinhos e tê-lo ali: pronto. Amor é outra coisa. É trabalhoso, é inexperiência e embora assim o seja, nos dá a impressão de já tê-lo o conhecido anteriormente de outro lugar bem distante e ainda inescoberto para os demais. Amor é se ver numa rua cheia de casas bonitas e tentadoras e, ainda sim, saber pra que casa ir ou voltar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

// >