segunda-feira, 6 de agosto de 2012


"Esses dias vieram me perguntar de você, e por mais incrível, louco e estranho que isso possa parecer, não soube responder. Porque o tempo passou, tempo esse, que te levou para bem longe de mim. Não sei se você está bem, se comeu direito no almoço, se ainda usa aquele perfume adocicado, ou até mesmo se ainda lembra de mim. Logo eu, que te conhecia como ninguém! No final da conversa ouvi um: - “Ah! Que pena! Vocês eram perfeitos juntos!” Logo, involuntariamente, pensei baixinho - “Éramos tão perfeitos, que acabou com gostinho de quero mais…"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

// >