domingo, 23 de dezembro de 2012

“Ser capaz de se entregar inteiro e completamente a outra pessoa, é a melhor coisa da vida. O amor verdadeiro começa aí, nessa entrega incondicional. A vida pessoal só vale a pena quando se acredita na dependência do outro. Querer sempre estar junto, cuidar, aquele telefone bobo noite meio da noite pra saber se está bem. Com a gente foi assim.” (Trecho do Filme: Do começo ao fim.)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

// >