quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

“A maioria dos dias do ano é comum. Eles começam e terminam, sem nenhuma memória durável nesse tempo. A maioria dos dias não tem impacto no decorrer da vida.” (500 dias com ela)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

// >