segunda-feira, 27 de agosto de 2012


“Eu não sei ficar com raiva de você. Eu não consigo segurar a risada quando você vem com suas brincadeiras. Eu não consigo te ignorar, nem sequer demorar um pouco pra te responder. Eu não consigo imaginar nós dois brigando sem ter uma reconciliação como ponto final.”

(Fuking Perfect)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

// >